SETE NÍVEIS DE CONSCIÊNCIA DA LIDERANÇA –  por Richard Barrett

SETE NÍVEIS DE CONSCIÊNCIA DA LIDERANÇA – por Richard Barrett

SETE NÍVEIS DE CONSCIÊNCIA DA LIDERANÇA
– LIDERANÇA DE ESPECTRO INTEGRAL –
O NOVO PARADIGMA COMEÇA PELO ENTENDIMENTO
artigo de Richard Barrett
categoria: Transformação Cultural

Neste artigo, Richard Barrett explica como é que os valores de uma
pessoa refletem em seu estilo de liderança.
Na medida em que a pessoa vai ampliando a consciência,
vai também elevando seus valores
nos “7 níveis de consciência” que definem
a escalada da evolução humana.
Contudo, se a pessoa evolui em valores,
o seu estilo de liderança
também evoluirá na mesma sequência.
Vale conferir!

SETE NÍVEIS DE CONSCIÊNCIA DA LIDERANÇA

Existem sete níveis bem definidos de liderança que correspondem aos sete níveis de consciência organizacional. Cada nível de liderança se relaciona com a satisfação das necessidades da organização no respectivo nível de consciência. Os líderes que aprendem como satisfazer todas as sete necessidades da organização funcionam a partir de uma consciência de espectro total. Nossa pesquisa mostra que esses são os líderes mais resilientes e de maior sucesso, pois eles têm a habilidade para responder de forma apropriada aos desafios internos e às ameaças externas, ao mesmo tempo em que tiram vantagem das oportunidades de crescimento e desenvolvimento da organização. Os sete níveis de consciência da liderança são mostrados na tabela abaixo:

O foco principal nos níveis inferiores de consciência da liderança está na criação de uma organização financeiramente estável, com uma forte base de clientes e que tenha sistemas e processos eficientes. O foco principal do nível de transformação da consciência da liderança é promover um clima de aprendizagem contínua e de fortalecer o poder pessoal do funcionário de maneira que a organização consiga responder e se adaptar às mudanças no ambiente interno e externo. O foco principal nos níveis superiores de consciência da liderança é criar uma visão, missão e conjunto de valores para a organização que estabeleça uma conexão interna e externa através de alianças estratégicas e faça uma contribuição para a sociedade. Os Sete Níveis de Consciência da Liderança estão descritos abaixo.

Nível 1: O Diretor de Crises/Contador

Líderes do nível 1 compreendem a importância do lucro e do retorno do acionista. Eles gerenciam os seus orçamentos de forma meticulosa. Eles se preocupam com a saúde e segurança dos funcionários. Eles se comportam de forma apropriadamente cautelosa em situações complexas. Eles mantêm uma perspectiva de longo-prazo, ao mesmo tempo em que lidam com questões e objetivos de curto-prazo. Um dos mais importantes atributos dos lideres do nível 1 é a capacidade de lidar com crises. Quando a sobrevivência da organização está ameaçada, eles sabem como assumir o controle. Eles são calmos no meio do caos e tem capacidade de decisão no meio do perigo. Lidar com situações urgentes e difíceis força estes líderes a se comportarem como autoritários. Entretanto, quando os líderes funcionam de forma autoritária de maneira constante, eles rapidamente perdem a confiança e o comprometimento dos funcionários. Frequentemente, a razão por trás do estilo ditatorial para obter o que desejam, é que eles têm dificuldades para se relacionar com as pessoas de uma maneira aberta e eficaz. Autoritários não estão acostumados a pedir – eles se sentem mais confortáveis dando ordens. Quanto maiores os seus medos existenciais, maior a aversão a riscos. Eles ficam rapidamente com raiva e são incapazes de discutir emoções. No caso de se sentirem inseguros em relação à dinheiro, eles irão explorar os outros para seu próprio benefício. Eles são gananciosos mesmo na abundância, e nenhum resultado financeiro os satisfaz. Eles promovem uma cultura da conformidade, mas não vão além daquilo que é necessário para satisfazer os regulamentos legais. Autoritários dirigidos pelo medo criam um clima de trabalho emocionalmente insalubre.

Nível 2: O Gerente de Relacionamento/Comunicador

Gerentes de relacionamento sabem lidar bem com conflitos e investem muito tempo construindo relações de trabalho harmoniosas. Eles não fogem ou escondem as suas emoções. Eles utilizam suas habilidades de relacionamento para lidar com questões interpessoais difíceis e suas habilidades de comunicação para estabelecer lealdade com seus funcionários. Eles conseguem comunicar tanto notícias boas quanto ruins à sua equipe. Eles acreditam na comunicação aberta. Eles reconhecem e elogiam a equipe por um trabalho bem feito. Eles são acessíveis às pessoas e generosos com o seu tempo. Eles estão envolvidos ativamente com seus clientes e dão prioridade à satisfação do cliente. Contudo, quando este líder tem medos sobre ser gostado, ou tem medo de lidar com as suas próprias emoções ou as dos outros, eles evitam conflitos, não são totalmente verdadeiros em sua comunicação interpessoal e utilizam a manipulação para obterem o que desejam. Eles se protegem culpando os outros quando as coisas não dão certo. Gerentes de relacionamento geralmente protegem a sua equipe, mas exigem lealdade, disciplina e obediência em troca. Eles facilmente apoiam a tradição e funcionam muitas vezes como paternalistas. Paternalistas tem dificuldades para confiar naqueles que não são parte da família. Eles guardam segredos e se envolvem em “política de baixo nível”. Essa falta de confiança em pessoas de fora pode limitar profundamente o contingente de pessoas talentosas que a organização pode contratar. Pelo fato dos paternalistas exigirem obediência, eles tendem a limitar o espírito empreendedor dos funcionários. Paternalistas geralmente estão presentes em empresas familiares.

Nível 3: O Gerente Organizador

Gerentes trazem lógica e ciência para o seu trabalho. Eles usam métricas para gerenciar a performance. Eles constroem sistemas e processos que criam ordem e eficiência e aumentam a produtividade. Eles são lógicos e racionais na tomada de decisões. Eles têm fortes habilidades analíticas. Eles pensam de forma estratégica e são ágeis para capitalizar as oportunidades. Gerentes focados internamente são competentes em organizar informações e monitorar resultados. Gerentes focados externamente antecipam problemas de fluxo de trabalho e fazem as coisas acontecer. Eles planejam e priorizam o seu trabalho e fornecem estabilidade e continuidade. Eles criam cronogramas e se sentem bem estando no controle. Eles estão focados em suas carreiras e desejam aprender novas habilidades, se estas os ajudarem a crescer profissionalmente. Eles querem aprender as últimas técnicas gerenciais para trabalhar com cada vez mais qualidade e excelência. Eles querem ter sucesso e ser os melhores. Quando as necessidades de auto-estima dos gerentes são dirigidas por medos subconscientes, eles buscam obsessivamente o poder, a autoridade e o reconhecimento. Eles criam silos para demonstrar o seu poder. Eles constroem burocracias e hierarquias para demonstrar a sua autoridade. Eles competem com seus colegas para ganhar reconhecimento. As suas necessidades de auto-estima podem levá-los a trabalhar excessivamente e negligenciar suas famílias. Para eles a imagem é importante, e eles participarão dos jogos políticos para obterem o que desejam.

Nível 4: O Líder Facilitador/Influenciador

Facilitadores procuram sugestões e recomendações, estabelecem consenso e compartilham o poder com seus funcionários. Eles reconhecem que não precisam ter todas as respostas. Eles dão as pessoas uma liberdade responsável, exigindo a prestação de contas por resultados e aquilo que foi produzido. Eles pesquisam e desenvolvem novas ideias. Eles avaliam riscos de forma consistente antes de se envolver em novos projetos. Eles resistem à tentação de microgerenciar o trabalho de seus subordinados diretos. Eles promovem a participação, a igualdade e a diversidade. Eles ignoram ou removem a hierarquia. Eles são adaptáveis e flexíveis. Eles apoiam a aprendizagem contínua. Eles se envolvem ativamente em seu próprio desenvolvimento pessoal e encorajam seus subordinados a participar de programas que promovem o crescimento pessoal. Eles estão procurando encontrar equilíbrio em suas vidas através do alinhamento pessoal. O equilíbrio gera o desapego e leva à independência, e permite que eles se tenham objetividade sobre suas forças e fraquezas. Eles estão aprendendo a se libertar de seus medos de maneira que possam deixar de ser conduzidos pelo mundo externo e aprenderem a se direcionar pelo mundo interno. Eles estão no processo de autorealização. Na medida em que eles se libertam da necessidade de aprovação externa, eles começam a descobrir quem eles realmente são. Eles se tornam apoiadores, encorajando as pessoas e se expressarem e compartilharem suas ideias. Eles encorajam a inovação. Eles focalizam o fortalecimento de equipes. Eles apreciam desafios e são corajosos na sua relação com a vida. Facilitadores estão no processo de transformação – deixando de ser gerentes para se tornarem líderes.

Nível 5: O Integrador/Inspirador

O integrador/inspirador cria uma visão e missão para a organização que inspira tanto os funcionários quanto os clientes. Eles promovem um conjunto compartilhado de valores e demonstram comportamentos congruentes que direcionam a tomada de decisões por toda a empresa. Eles são exemplos vivos de liderança baseada em valores. Eles estabelecem coesão e foco ao gerar alinhamento de valores e de missão para toda a empresa. Ao fazê-lo, eles aumentam a capacidade da organização para a ação coletiva. Eles procuram oportunidades para a colaboração. Ao criar um ambiente de abertura, igualdade e transparência, eles estabelecem confiança e comprometimento entre as pessoas. A cultura que eles criam desperta entusiasmo, paixão e criatividade em todos os níveis da organização. Eles estão mais preocupados em obter o melhor resultado para todos, ao invés de focar o interesse próprio. Eles estão preocupados com o bem comum. Eles fazem o que falam. Eles resolvem problemas de forma criativa. Eles percebem os problemas sob uma perspectiva sistêmica, indo além das fronteiras estreitas de causa e efeito. Eles são honestos e verdadeiros e demonstram integridade em tudo o que fazem. Eles se sentem confiantes em lidar com qualquer situação. Essa confiança e abertura lhes permitem reclassificar problemas como oportunidades. Eles definem prioridades tomando como referência a visão e a missão. Eles exibem tanto inteligência emocional quanto intelectual. Integradores/inspiradores são especialistas em fazer as pessoas expressarem o seu melhor.

Nível 6: Mentor/Parceiro

Mentores/parceiros são motivados pela necessidade de fazer a diferença no mundo. Eles são verdadeiros líderes servidores. Eles criam parcerias mutuamente benéficas e alianças estratégicas com outras pessoas ou grupos que compartilham o mesmo ideal. Eles colaboram com clientes e fornecedores para criar situações ganha-ganha. Eles são ativos na comunidade local, criando relacionamentos que geram boa vontade. Eles reconhecem a importância de proteger o ambiente, e são capazes de ir além das necessidades de conformidade para tornar as suas operações seguras no nível ambiental. Eles demonstram empatia. Eles se preocupam com seus subordinados, procurando maneiras de ajudá-los a encontrar realização pessoal no trabalho. Eles criam um ambiente em que as pessoas podem mostrar o seu melhor. Eles se preocupam em apoiar a formação de talentos para a organização, agindo como coach e mentor de seus subordinados. Eles tomam decisões com base na intuição. Eles são inclusivos. Eles têm total domínio de seu papel e responsabilidade.

Nível 7: Sábio/Visionário

Líderes sábios/visionários são motivados pela necessidade e servir ao mundo. Eles têm uma visão global. Eles estão focados nas questões, “Como eu posso ajudar?”, e “O que eu posso fazer?”. Eles se preocupam com a situação do mundo. Eles também se preocupam com o legado que estão deixando para as futuras gerações. Eles não abrem mão de resultados de longo-prazo por ganhos de curto-prazo. Eles usam a sua influência para criar um mundo melhor. Eles percebem sua própria missão e a de sua organização a partir de uma perspectiva mais ampla, social. Eles estão comprometidos com a responsabilidade social. Para eles, o mundo é uma rede complexa de interconexão, e eles sabem e compreendem o seu papel. Eles agem com humildade e compaixão. Eles são generosos em espírito, pacientes e capazes de perdoar por natureza. Eles se sentem confortáveis com a incerteza e conseguem tolerar a ambiguidade. Eles necessitam estar a sós e podem ser reclusos e reflexivos. Líderes deste nível são admirados por sua sabedoria e visão.

Distribuição da Consciência

 

Os valores de gerentes e líderes são geralmente distribuídos em torno de três ou quatro níveis de consciência adjacentes. Os valores dos gerentes estão agrupados nos três níveis inferiores de consciência; os valores dos líderes estão agrupados nos níveis superiores de consciência. Os líderes de maior sucesso funcionam a partir de uma consciência de espectro total. Eles apresentam valores positivos em todos os níveis de consciência.

Consciência de Espectro Total

Os líderes de maior sucesso são aqueles que aprenderam a dominar cada um dos níveis de consciência.

  • Eles dominam o nível 1 cuidando da estabilidade financeira e da segurança dos funcionários.
  • Eles dominam o nível 2 focando a comunicação aberta, respeito e satisfação dos clientes.
  • Eles dominam o nível 3 focalizando a performance, os resultados, as melhores práticas e a eficiência.
  • Eles dominam o nível 4 focalizando a adaptabilidade, a inovação, o poder e a participação dos funcionários e a aprendizagem contínua.
  • Eles dominam o nível 5 desenvolvendo uma cultura coesa baseada numa visão e valores compartilhados que criam resiliência e uma forte capacidade para a ação coletiva.
  • Eles dominam o nível 6 construindo alianças estratégicas com parceiros com ideias e valores similares; promovendo o mentoring e o coaching para seus gerentes e líderes; e assumindo um papel de protetor ambiental.
  • Eles dominam o nível 7 assumindo a responsabilidade social, a ética, o pensamento global e mantendo uma perspectiva de longo prazo para o seu negócio e o seu impacto sobre futuras gerações.

Sobre o Autor Richard Barrett é CEO do Barrett Values Centre, consultoria internacional especializada em Transformação Cultural e Desenvolvimento da Liderança. Ele é o criador das Ferramentas de Transformação Cultural. Autor, palestrante e agente de mudança. Livros publicados em português: “Libertando a Alma da Empresa” e “Criando uma Organização dirigida por Valores”. Tradução Roberto Ziemer. 

 

A Evolução Humana trabalha a favor da “Expansão da Consciência”.
Essa é nossa razão de existir!

Mais informações – ver “Quem Somos” 

4 Comentários

  • Waleska Posted 7 de junho de 2011 19:22

    Gostaria de saber a referência bibliográfica, na qual insere-se os níveis de liderança. Aproveito o ensejo para parabenizar a iniciativa deste blog, ele está muito bem estruturado.!

    Atenciosamente, Waleska.

    • Vânia Faria Posted 7 de junho de 2011 20:27

      Olá Waleska, obrigada pelo comentário. Toda a obra do autor Richard Barrett você pode verificar no próprio site dele e de sua empresa Barrett Values Centre: http://www.valuescentre.com

      Livros em Português: Livros publicados em português: ”Libertando a Alma da Empresa” e “Criando uma Organização dirigida por Valores” Para mais informações sobre os livros você pode se comunicar com nossa área de logística pelo e-mail: falecom@evolucaohumana.com.br

      Abraços,

      Vânia Faria

  • Julia Posted 29 de junho de 2011 18:29

    Olá. Adorei este site. Sempre busquei algo assim para apreciar. Gostei muito dos textos e da proposta do site. Parabéns. Visitem também meu blog. Me enviem as novidades por email. abraço. Fiquem na luz.
    Julia

  • Editor Master – Evolução Humana Posted 30 de junho de 2011 09:33

    Julia, agradecemos seu comentário. Ficamos felizes que tenha apreciado o BLOG e sua proposta.
    Abraços,

    Equipe Evolução Humana

Adicionar comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *